Como a Reforma Tributária afeta o lucro presumido dos shopping centers - TC

TC School / Análise Fundamentalista

Como a Reforma Tributária afeta o lucro presumido dos shopping centers

02/07/2021 às 16:13

TC School

Trataremos nesse texto de um dos pontos enviados pelo Governo Federal, na chamada Reforma Tributária – segunda parte, entregue em 25 de junho, última sexta-feira, e que foi numerado como Projeto de Lei nº 2337/2021.

Tal projeto, segundo o governo, “trará simplificação e menos custo, redução de distorções e fim de privilégios sem reduzir as arrecadações da União” e atuará na Pessoa Física, especialmente no reajuste da Tabela do Imposto de Renda e nas Pessoas Jurídicas, com uma redução gradual até chegar aos 10% anuais.

Provavelmente, muitos investidores que possuem imóveis alugados, podem ter algumas dúvidas. Desse forma, para tentarmos esclarecer alguns pontos, trataremos os seguintes tópicos:

  • O “lucro presumido” e a reforma tributária
  • Análise de JHSF3

Boa leitura!

O “lucro presumido” e a reforma tributária

A reforma tributária 2021, especialmente o trecho que trata do “lucro presumido” para as empresas que auferem mais de 50% da receita de aluguel — e tipicamente empresas de shopping centers e hoje têm uma combinação de lucro presumido e “lucro real”, como ficará a apuração do IRPJ.

Antes de nos debruçarmos sobre o assunto, faço algumas ressalvas:

a) Como investidor, devemos buscar entender os fundamentos e projetar cenários futuros, especialmente quando identificamos um gap capaz de render resultados ou mesmo de promover uma expectativa maior de ganhos futuros.

Nesse cenário, aqui estamos analisando o que foi enviado pelo governo ao congresso. Sabe-se, no entanto, que o congresso poderá alterar, debater e votar, tendo o presidente direito de veto e possibilidade de derrubada de veto, assim, essa expectativa poderá ser aceita ou mesmo, modificada.

b) Aqui, utilizamos dados públicos de uma empresa listada na bolsa e pode meio dela traçamos um cenário, mas ressaltamos que não utilizamos a composição, mas sim, a estimativa pelo custo.

Diante disso, tem-se no trecho do PL 2337/2021 que altera o art. 14 da Lei nº 9.718, de 27 de novembro de 1998:

Art. 14
VIII – cuja receita bruta no ano-calendário anterior, decorrente de royalties ou de administração, aluguel ou compra e venda de imóveis próprios, represente mais de cinquenta por cento da receita bruta do mesmo ano;

Análise de JHSF3

Vejamos o exemplo da JHSF3 que no relatório com as informações consolidadas 1T21:

receita bruta e líquida

Ultrapassando assim os 50% que trata o PL, sendo assim, obrigada a ser tributada pelo Lucro Real, não podendo seus projetos de incorporação imobiliária adotar mais o lucro presumido.

Baseado nas DFP da JHSF3 para o 1T21 estimamos assim:

O Lucro presumido era calculado assim.

Para esse caso as alíquotas são de 0,65% para o PIS e 3% para o Cofins e o valor considerado é o faturamento bruto. Então, temos:

PIS = R$ 314,4* x 0,65% = R$ 2,04*
COFINS = R$ 314,4* x 3% = R$ 9,43*

*Milhões

No que se refere ao IRPJ, com base na Lei 9.249/95 e no Decreto 9.580/18, que tratam do imposto de renda das pessoas jurídicas, as empresas que exploram atividades imobiliárias, notadamente àquelas relativas ao loteamento de terrenos, incorporação imobiliária, construção de prédios destinados à venda e a venda de imóveis construídos ou adquiridos para a revenda.

Nesse caso, quando decorrente da comercialização de imóveis, há incidência da presunção de lucro o montante de 8% sobre a receita bruta e posteriormente a aplicação da alíquota do IR de 15%, bem como o adicional de 10% em caso de ultrapassar 20 mil mensal, o que ocorre para o caso em tela e que consideramos direto para fins didáticos.

Então, temos, com base nos dados da JHSF3 para o 1T21 relativas as atividades de incorporação e renda recorrente, que seriam diretamente alteradas frente tais mudanças o seguinte cálculo:

jhsf

No Lucro Real, teríamos a dificuldade de estimar os custos, uma vez que esses impactam na definição da base de cálculo. Porém utilizamos os dados constantes no 1T21 da JHSF3 relativas as atividades de incorporação e renda recorrente:

projeção 2022

*Projeção para 2022

projeção 2023

*Projeção 2023

Ou seja, com isso, verifica-se a possibilidade real de redução de aproximadamente 32,74% do lucro das empresas para 2022 e 30,29% para 2023, especialmente aquele decorrente desse tipo de atividade, que será diretamente impactada pela proposta de reforma tributária.

Projeção 2022
Diferença de Lucro     78,37
Percentual de Redução     32,74%

Projeção 2023
Diferença de Lucro     72,50
Percentual de Redução     30,29%

Tal situação ocorre pela obrigatoriedade de adoção do Lucro Real e pelo aumento das alíquotas incidentes para esse tipo de tributação, frente o lucro presumido.

Registre-se que aqui é apenas uma simulação, sendo necessário apuração do Lucro Real, com dados mais precisos, uma vez que, caso as despesas sejam maiores, levando para a apuração pelo Lucro Real, pode haver um pagamento ainda menor, mas faz-se necessário revisar por dados das empresas envolvidas.

Alertamos que as projeções aqui relatadas não tem o intuito de prover qualquer indicação de compra ou venda de ativos, e estão limitadas aos dados empregados e estimados aqui com fins didáticos, ressaltando que as análises tributárias são vinculadas aos dados disponíveis e notadamente aos que utilizamos para fins de simulação.

Referências:

Governo entrega 2a fase da Reforma Tributária ao Congresso Nacional. Disponível em: <https://www.gov.br/pt-br/noticias/financas-impostos-e-gestao-publica/2021/06/governo-entrega-2a-fase-da-reforma-tributaria-ao-congresso-nacional>. Acesso em: 1 jul. 2021.

PATRIMONIAL, B.; PASSIVO, B. Índice Dados da Empresa DFs Individuais Pareceres e Declarações. [s.l.] , [s.d.]. Disponível em: <https://api.mziq.com/mzfilemanager/v2/d/1389c06d-4b85-4082-ae2b-3cc3b67db647/a1ab56d6-5ded-9e91-fbbf-4955c8cfb91b?origin=1>. Acesso em: 1 jul. 2021.

PADUA. Tributação da Renda Imobiliária nas Empresas do Lucro Presumido – Pádua Faria Advogados. Disponível em: <http://paduafariaadvogados.com.br/tributacao-da-renda-imobiliaria-nas-empresas-do-lucro-presumido/>. Acesso em: 1 jul. 2021.

Lei nº 9.249, de 26 de Dezembro de 1995. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9249.htm>. Acesso em: 1 jul. 2021.

redator seo
João Marcelo Alves de Macêdo
Contador, doutor em contabilidade, professor de contabilidade e conselheiro de administração de cooperativas de crédito.

TC School

A sua escola como investidor.

Disclaimer: Este material é produzido e distribuído somente com os propósitos de informar e educar, e representa o estado do mercado na data da publicação, sendo que as informações estão sujeitas a mudanças sem aviso prévio. Este material não constitui declaração de fato ou recomendação de investimento ou para comprar, reter ou vender quaisquer títulos ou valores mobiliários. O usuário não deve utilizar as informações disponibilizadas como substitutas de suas habilidades, julgamento e experiência ao tomar decisões de investimento ou negócio. Essas informações não devem ser interpretadas como análise ou recomendação de investimentos e não há garantia de que o conteúdo apresentado será uma estratégia efetiva para os seus investimentos e, tampouco, que as informações poderão ser aplicadas em quaisquer condições de mercados. Investidores não devem substituir esses materiais por serviços de aconselhamento, acompanhamento ou recomendação de profissionais certificados e habilitados para tal função. Antes de investir, por favor considere cuidadosamente a sua tolerância ou a sua habilidade para riscos. A administradora não conduz auditoria nem assume qualquer responsabilidade de diligência (due diligence) ou de verificação independente de qualquer informação disponibilizada neste espaço. Administradora: TradersNews Informação & Educação Ltda. Todos os direitos reservados.

TradersClub

O app essencial para investidores do mercado financeiro brasileiro.

Uma comunidade com milhares de investidores, ferramentas e serviços que vão ajudar você a investir melhor!

TradersClub